Pular para o conteúdo principal
 Aquela Garota


 Ela é aquela garota movida à imaginação, que mesmo com choques de realidade que a vida dá, prefere continuar a viver a sua maneira. Em seu mundo particular. De sair pintando de tons alegres qualquer vestígio de cinza do seu dia. E que transborda de alegria quando essas cores respigam na vida de outras pessoas. 

 Ela é aquela garota que já amou e se sentiu amada. Que já deu seu coração, seu corpo e seus sonhos. Que sonhou, pensou que fosse pra sempre, e um dia acabou. Que ouviu “Eu te amo” e dias depois “Eu te traí”. Que ouviu “Não posso mais viver sem você” e da mesma pessoa ouviu “Não consigo esquecer minha ex.” Que sofreu e disse “não quero amar nunca mais”, mas que depois de alguns banhos demorados com a água se misturando com lágrimas, e noites mal dormidas se permitiu tudo novamente. Ela é aquela garota que já magoou alguém que muito amou. E talvez por castigo, só percebeu isso depois de ter perdido.

 Ela é aquela garota que não mais se arrepende de coisas que fez ou que deixou de fazer, pois acredita que todos os acontecimentos a moldaram para se tornar a pessoa que é. Que admira estrelas, anda descalça, vicia em uma música e canta alto o dia todo. Que gosta de andar de mãos dadas, de sentir frio na barriga, de criar laços com olhares. Que vê a beleza nos detalhes de pequenos gestos. Que gosta de bom dia, boa noite e até amanhã. 

 Ela é aquela garota que as amigas diziam: “Vai sair, curtir tua vida”. Mas o que essas amigas não entendiam era que ela curtia a vida dela de uma forma diferente. Que gostava de sua solidão. Ela é aquela garota que não quer ganhar no jogo. Mas que muitas vezes perde no amor. E mesmo com isso, ainda acredita que ele (o amor) é o sentido da vida e que tudo gira em torno disso. 

 Ela é aquela garota que aprendeu que existem amores e amores. Amores que nos fazem voar e depois cair de um precipício sem ninguém lá embaixo pra te segurar, e outros que te ensinam a voar e confiar em suas próprias asas.

 Thaisa Ferreira

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Nos momentos mais doídos da minha jornada até aqui eu nunca encontrei nenhum botão mágico, mas tive fé, tive gesto, e, felizmente, tive quem me amasse sem desistir de mim.  Ana Jácomo
Eu quis tanto ser a tua paz, quis tanto que você fosse o meu encontro. Quis tanto dar, tanto receber. Quis precisar, sem exigências. E sem solicitações, aceitar o que me era dado. Sem ir além, compreende? Não queria pedir mais do que você tinha, assim como eu não daria mais do que dispunha, por limitação humana. Mas o que tinha, era seu.




Caio Fernando Abreu
 BESTA É TU!
Besta é tu, que ignorou a mulher que estava disposta a realizar todas as suas fantasias, que estava disposta a ser a companheira que sempre sonhou.
Besta é tu, que vive deixando as mensagens do WhatsApp azul, mas tu prefere não responder. Prefere não se envolver.
Besta é tu, que não admite que o sorriso dela foi o motivo do seu.
Besta é tu, que se privou de assistir a chegada do amanhecer ao lado dela, por medo dela se apegar ainda mais em você.
Besta é tu, que não se permite ouvir as histórias que ela tem pra contar, para evitar que seus olhos denunciem o mínimo de interesse que tem.
Besta é tu, que não se permitiu ver ela sem sutiã dentro da sua camiseta com o logotipo de partido, ou aquela do Star Wars.
Besta é tu, que nunca leu uma linha do que ela já escreveu pra ti na página que ela já te convidou para curtir no Facebook. Mas besta ainda por não ter provado a CheeseCake de Nutella cheio de amor que ela faz.
Besta é tu, por não enxergar nela a felicidade reservado par…